Fator Previdenciário: o que é? Como fazer o cálculo?

O fator previdenciário, que existe desde o governo FHC, nada mais é do que uma fórmula matemática utilizada pelo INSS. Ele tem como principal finalidade reduzir os benefícios concedidos às pessoas que aposentam com menos de 60 anos.

A Previdência Social espera que mulheres se aposentem a partir dos 60 anos e os homens com 65 anos. No entanto, muitos acabam recorrendo a modalidade de aposentadoria por tempo de contribuição (30 anos para mulheres e 35 para homens). Essa situação estava causando um rombo nos cofres do INSS, por isso o fator previdenciário foi instituído.

O fator previdenciário é uma fórmula matemática que se aplica ao valor da aposentadoria. (Foto: Divulgação)

O fator previdenciário é uma fórmula matemática que se aplica ao valor da aposentadoria. (Foto: Divulgação)

A ideia de criar o fator previdenciário surgiu como uma forma de incentivar o contribuinte a trabalhar por mais tempo. Ou seja, os trabalhadores pensam duas vezes antes de solicitar a aposentadoria por tempo de contribuição, já que isso refletirá diretamente no bolso.

O que é o Fator Previdenciário?

O fator previdenciário é um cálculo utilizado para conceder a aposentadoria aos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Ele começou a valer em 1999, ainda na gestão do ex-presidente da república Fernando Henrique Cardoso.

Desde quando começou a ser usado, o fator previdenciário influencia no valor da aposentadoria por tempo de contribuição. Portanto, quem resolve se aposentar mais jovem acaba recebendo menos do que o esperado, já que o cálculo da Previdência “come” parte do valor.

Em outras palavras, quanto menor a idade na hora de dar entrada na aposentadoria, maior é o redutor do benefício previdenciário.

Como fazer o cálculo?

O cálculo é complexo e considera diferentes fatores. (Foto: Divulgação)

O cálculo é complexo e considera diferentes fatores. (Foto: Divulgação)

A fórmula do fator previdenciário é complexa. A conta é baseada na idade do trabalhador, no tempo de contribuição, na expectativa de sobrevida e no multiplicador de 0,31.

Não entendeu nada? Vamos a um exemplo prático:

Carlos tem 55 anos de idade e contribuiu com o INSS por 35 anos. Sua média salarial ao longo de todo período de carteira assinada é de R$3.000,00. Sabendo que o seu fator previdenciário é de 0,7, a conta para chegar ao valor da sua aposentadoria é 0,7 X 3.000 = R$2.100,00.

No caso de José, que resolveu se aposentar por idade aos 65 anos e contribuiu por 45 anos, o fator é de 1,379. Se sua média de salário é igual a de Carlos (R$3.000,00), ele receberá R$4.137 de aposentadoria (1,379 X 3.000).

Para entender melhor como é calculado o fator previdenciário, basta baixar a tabela de 2016.

Mudanças no fator previdenciário

Em 2015, o Governo Federal autorizou uma mudança no fator previdenciário, que recebeu o nome de sistema 85/95. A lógica do cálculo é bem simples: a mulher pode se aposentar quando a soma do tempo de contribuição e idade for 85. No caso dos homens, essa soma deve resultar em 95.

Se, por ventura, o trabalhador optar pela aposentadoria antes de se adequar ao sistema 85/95, o valor do benefício é reduzido conforme o fator previdenciário.

O sistema 85/95 mudou alguns aspectos do fator previdenciário. (Foto: Divulgação)

O sistema 85/95 mudou alguns aspectos do fator previdenciário. (Foto: Divulgação)

A mudança é positiva para o trabalhador brasileiro, especialmente para aquele que começou a trabalhar cedo e atinge o tempo de contribuição necessário antes da idade mínima para a aposentadoria.

Como fica o fator previdenciário com a Reforma de Temer?

Michel Temer vai realizar uma Reforma Previdenciária em 2017. Sua principal proposta é determinar uma idade mínima de 65 anos para a aposentadoria, tanto para mulheres quanto para os homens. A regra valerá especialmente para os trabalhadores com menos de 50 anos de idade.

E aí? Ficou com dúvidas? Deixe um comentário.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Fator Previdenciário: o que é? Como fazer o cálculo?

1 comentário

  • Venerinda:

    Tenho 49 anos e 31 anos e 4 meses de contribuição. Gostaria de saber se poderei me aposentar pela nova lei do Temer assim que for aprovada e como é feito o cálculo?

    Responder

Comente