Entenda as novas regras do seguro desemprego 2018

Saiba aqui com as novas regras se você tem direito ao Seguro Desemprego em 2018.

Desde 2015 o benefício do Seguro Desemprego vem sofrendo algumas mudanças e atualizações nas suas exigências. O texto de hoje é especial para quem quer tirar todas as suas dúvidas sobre as novas regras do seguro desemprego 2018, e também entender o passo a passo de como calcular e conseguir o pagamento de suas parcelas. Veja tudo a seguir!

Fique por dentro das novas regras do seguro desemprego 2018.

O seguro desemprego ampara o trabalhador que está fora do mercado de trabalho. (Foto: Divulgação)

Veja também: Aprenda como solicitar seguro desemprego pela internet

O que é e para que serve o seguro desemprego?

O seguro desemprego é um benefício do Governo Federal com o apoio do FAT – Fundo de Amparo ao Trabalho. Ele é destinado aos cidadãos que trabalharam legalmente com carteira assinada sob as leis da CLT. A Consolidação das Leis Trabalhistas assegura ao trabalhador demitido sem justa causa o direito de receber parcelas por alguns meses para próprio sustento, ou de sua família, enquanto procura um outro trabalho, como forma de amparo.

Esse é um dos maiores benefícios e diretos alcançados pelo trabalhador brasileiro desde 1986.

O seguro desemprego nada mais é que uma ajuda financeira concedida pelo governo para que o cidadão não fique totalmente desamparado no período em que tiver procurando um novo emprego.

A finalidade do benefício é assegurar ao cidadão, que foi demitido sem justa causa, que consiga prover seu sustento, ou de sua família, as necessidades básicas como moradia e alimentação.

Quais são as novas regras do seguro desemprego 2018?

O benefício vem sofrendo algumas mudanças desde 2015 e algumas regras têm sido mudadas, por isso é muito importante que o cidadão saiba quais são essas mudanças e também se informe se ainda possui direito ao seguro desemprego.

Com a crise econômica e política que assola o país há alguns anos, algumas regras foram modificadas que são:

  • Para solicitar o seguro desemprego pela primeira vez é necessário que o trabalhador tenha a carteira assinada por no mínimo 18 meses (um ano e seis meses).
  • Para solicitar o benefício pela segunda vez é necessário que o trabalhador tenha a carteira assinada por no mínimo 12 meses (um ano).
  • Para fazer a solicitação do benefício pela terceira vez em diante o trabalhador terá que ter carteira assinada por no mínimo 6 meses.

Antes das mudanças, para fazer a solicitação do benefício do seguro desemprego o trabalhador só precisava ter carteira assinada por 6 meses.

Para os trabalhadores rurais a regra é que para fazer a solicitação do benefício é necessário que ele tenha nos últimos 24 meses (2 anos) trabalhados tenha carteira assinada por pelo menos 15 meses (1 ano e 3 meses).

Quem tem direito ao seguro desemprego?

Com relação a quem tem direito ao benefício, as regras não mudaram. (Foto: Divulgação)

Essas regras não sofreram mudanças:

  • Para pedir o benefício é necessário que o trabalhador tenha sido demitido sem justa causa e se encaixe nas novas regras explicadas no tópico anterior.
  • O benefício também pode ser requisitado por trabalhadores que foram resgatados de um trabalho similar ao escravo ou uma condição semelhante.
  • O trabalhador que teve seu contrato de trabalho suspenso para participar de um curso de qualificação profissional também terá o direito de fazer a requisição para receber as parcelas do seguro desemprego.
  • Os pescadores que necessitam para de trabalhar em sua profissão porque está no período de defeso, que é a fase onde é proibida a pesca para preservação das espécies, lhe é assegurado o benefício de seguro desemprego nessa fase.

Se você se encaixa nesses requisitos e nos do tópico anterior, você faz jus ao benefício do seguro desemprego 2018.

Como faço para recebe-lo?

O benefício é concedido através da Caixa Econômica Federal, pago através de poupança, conta corrente ou com o cartão cidadão.

Ainda tem alguma dúvida sobre as novas regras do seguro desemprego 2018? Deixe um comentário!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Entenda as novas regras do seguro desemprego 2018

Comente