Reforma da Previdência Social 2017: entenda os principais tópicos

A Reforma da Previdência Social 2017 é um dos principais tópicos políticos do país atualmente. Seja na televisão, jornal ou rádio, lá está o tema, sendo amplamente discutido pelos especialistas.

Se você ainda não entendeu muito bem a reforma previdenciária 2017, não se preocupe, pois não está sozinho. As informações vêm de todos os lados, e é justamente por isso que fica tão complicado agarrar-se a alguma certeza sobre os fatos.

Em breve, a reforma previdenciária sairá do papel. (Foto: Divulgação)

Em breve, a reforma previdenciária sairá do papel. (Foto: Divulgação)

Além disso, a realidade é a de que o país ainda vive uma situação bastante instável politicamente, o que não garante se as reformas sairão ou não do papel. A verdade é que a Reforma Previdenciária está caminhando, por isso juntamos neste texto tudo o que há de mais relevante sobre ela. Confira!

Reforma da Previdência Social 2017

Ao falarmos em Reforma da Previdência Social em 2017, podemos apontar duas causas principais:

Déficit: de acordo com dados disponibilizados pela Fundação Getúlio Vargas, o déficit previdenciário, atualmente, gira em torno dos R$120 bilhões.

O que mais assusta, porém, não é o número, mas a velocidade com que o rombo vem crescendo. Enquanto em 2013 a dívida representava 0,9% do PIB do país, em 2016 a fração já é de 2,7%.

Envelhecimento da população: lentamente, o Brasil passa por um período de transição. Até poucos anos, prevalecia em nosso país uma população mais jovem, frente a uma parcela menor de idosos.

Hoje, com a expectativa de vida aumentando, muitos trabalhadores estão aposentando-se, sobrecarregando o sistema previdenciário.

Quais serão as principais mudanças?

Agora que já fizemos a contextualização sobre a Reforma da Previdência Social 2017, vamos ao que mais importa: quais serão as principais mudanças da reforma previdenciária? Como elas serão feitas? Quem será impactado?

Mudanças com relação à idade mínima

A reforma estabelece idade mínima de 65 anos para se aposentar. (Foto: Divulgação)

A reforma estabelece idade mínima de 65 anos para se aposentar. (Foto: Divulgação)

A principal mudança da Reforma da Previdência Social 2017, proposta pelo governo do presidente Michel Temer, diz respeito à idade mínima que o contribuinte precisa ter para solicitar sua aposentadoria.

As diretrizes da reforma apontam que, caso entre em vigor, apenas trabalhadores com mais de 65 anos poderão aposentar-se nesta modalidade.

Tempo de Contribuição

A mudança na idade mínima afeta, obviamente, quem entra mais cedo no mercado de trabalho. Como uma forma de amenizar a situação, o governo está tentando manter a modalidade de aposentadoria por tempo de contribuição.

Segundo o jornalista Kennedy Alencar, a quantidade de tempo trabalhado deverá ser de 40 anos para que o profissional possa aposentar-se por tempo de contribuição.

Regras iguais para homens e mulheres

Como a Reforma da Previdência Social 2017 ainda está sendo discutida, não é possível afirmar que esta ou aquela pauta realmente entrará em vigor.

Porém, o que pode-se dizer é que, dentre as propostas da reforma previdenciária, existe uma inclinação em igualar as regras de aposentadoria para homens e mulheres.

O novo limite de idade vale para homens e mulheres. (Foto: Divulgação)

O novo limite de idade vale para homens e mulheres. (Foto: Divulgação)

Atualmente, tanto no regime por idade quanto no regime por tempo de contribuição, as mulheres possuem a vantagem de aposentar-se 5 anos mais cedo que os homens.

E você, já tem uma opinião formada sobre as principais mudanças da Reforma da Previdência Social 2017? Deixe o seu comentário abaixo e vamos continuar esta conversa!

3 comentários

  • Quero sumir desse país:

    Esse governo e o pior que já ouvi falar em toda minha existência!Não precisamos ter guerra ou bomba atômica;ou terroristas; so precisamos ter o nosso governo pra acabar com o Brasil!

    Responder
  • ilza karla:

    isso é um governo ladrão e só vai fazer isso porque ele mesmo já está aposentado com 55 anos de idade recebendo um salário de 35.000,00 mil reais e fora o salario de governo auxílio palito e etc ,temos que tirar ele da presidência gente nos não podemos aceitar isso .

    Responder
  • NERI HETOR ZANETTE:

    Eu acho que qualquer reforma seje previdenciária, trabalhista etc., não tem sentido, não vejo um destes políticos falarem que tem gastos excessivos em câmara de vereadores , deputados etc.
    onde está a redução destes gastos nesta reforma, porque não copiar sistema de países desenvolvidos como SUÉCIA ETC.
    Estamos na idade dos coronéis, e queremos atingir os mais fracos, e se perpetuarem no poder, e tudo bem.

    Responder

Comente