INSS Dataprev: veja como consultar extrato de pagamentos

O INSS Dataprev adotou uma nova plataforma digital para reunir os serviços da Previdência Social. Em um único endereço eletrônico, o contribuinte pode agendar atendimento, consultar extratos de pagamento, emitir declarações, verificar histórico, entre outras ações. Aprenda o passo a passo de como utilizar o novo sistema.

Para quem não sabe, o Dataprev é uma Empresa de Tecnologia e Informação da Previdência Social. O seu principal objetivo é organizar e gerir a base de dados sociais da população brasileira, em especial os cadastros dos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

O INSS criou uma nova ferramenta para consultar extrato online. (Foto: Divulgação)

A companhia de tecnologia responsável pela base do INSS funciona como uma empresa pública, que iniciou as suas atividades nos anos 70. Hoje, os segurados, pensionistas e aposentados costumam acessar o site do Dataprev para esclarecer as dúvidas relacionadas aos benefícios previdenciários e também para utilizar os serviços online disponíveis na plataforma.

Serviços online INSS Dataprev 2018

A internet simplificou, e muito, a vida dos brasileiros que contribuem com a Previdência Social. Hoje, não é preciso ir pessoalmente a uma agência para tirar o extrato do INSS. O documento pode ser gerado através do sistema do Dataprev, sem precisar sair de casa e enfrentar filas por atendimento.

Nos últimos anos, o INSS Dataprev modernizou todos os seus serviços online e buscou torná-los mais acessíveis à população. Ao invés de manter todos os links vinculados ao Dataprev, o órgão resolveu lançar o Portal Meu INSS.

O Portal Meu INSS funciona como uma central de serviços online. A nova ferramenta, disponibilizada no início de 2017, facilita a vida dos segurados de diferentes formas, já que pode ser acessada facilmente de qualquer computador, tablet ou smartphone.

Através do site Meu INSS (meu.inss.gov.br), é possível consultar extrato do INSS, fazer agendamentos, obter o histórico de crédito e gerar declarações. Entre janeiro e junho de 2017, a plataforma recebeu quase um milhão de cadastros.

Consulta ao extrato do INSS: passo a passo

O extrato do INSS nada mais é do que um relatório que permite visualizar as contribuições feitas para a Previdência Social. Esse documento também reúne os dados cadastrais, os vínculos empregatícios e os salários do contribuinte.

O extrato de pagamentos é capaz de comprovar a renda dos beneficiários. Ele mostra as datas de pagamento das contribuições, bem como os valores das remunerações.

Com o MEU INSS, o segurado pode emitir o extrato completo INSS pela internet. Antigamente isso não era possível, pois o serviço online do Dataprev só permitia emitir o último extrato. Para obter a relação das contribuições referentes aos períodos anteriores, era necessário se dirigir a uma agência da Previdência Social.

Antigamente, as pessoas acessavam o extrato de pagamentos INSS por meio do site do Dataprev. A partir desse ano, no entanto, o antigo link recomenda que o segurado utilize o portal Meu INSS para consultar esse demonstrativo pela internet.

Confira a seguir o passo a passo para consultar o extrato INSS Dataprev, considerando a nova ferramenta desenvolvida pela Previdência Social:

Passo 1: Acesse meu.inss.gov.br.

Passo a passo para consultar extrato INSS Dataprev.

Passo 2: Clique no primeiro item (Extrato Previdenciário CNIS).

Passo 3: Crie um login através do Cidadão.br, pois só assim é possível fazer a autenticação e ter acesso ao documento desejado. Na janela que será aberta, informe o número do CPF e a senha. Caso ainda não tenha essa senha, clique em “cadastrar-se”

Passo 4: o cadastro no site Meu INSS só leva alguns minutos e você terá um login que permite autenticar o acesso para praticamente todos os serviços. Preencha os dados solicitados pelo formulário, como número do CPF, data de nascimento, nome completo e nome da mãe. Confirme que você não é um robô e clique no botão “próximo”.

Passo 5: para garantir a segurança do acesso, o INSS faz algumas perguntas relacionadas à vida laboral do cidadão. Questões sobre empresa onde trabalhou, ano em que foi feita a última contribuição e valor do salário podem compor esse pequeno questionário.

Passo 6: respondeu tudo certo? Ótimo! O INSS vai gerar uma senha numérica inicial, que poderá ser utilizada no primeiro acesso ao Meu INSS.

Passo 7: clique novamente no botão “fazer login”. Informe o número do CPF e a senha que o sistema acabou de criar. Clique em “Entrar”.

Passo 8: Imediatamente após fazer o login, a senha inicial inspira e você terá que criar uma nova. Lembre-se de que a nova senha deve conter no mínimo 9 caracteres e possuir pelo menos uma letra maiúscula, uma letra minúscula, um número e um caractere especial. Clique no botão “Alterar”.

Passo 9: o cadastro da nova senha Meu INSS foi feito com sucesso? Muito bem. Clique no link para continuar a faça o login mais uma vez, dessa vez com a senha que você criou. Se o acesso for concedido, clique no botão “Entrar”.

Passo 10: O extrato previdenciário (CNIS) mostra o nome de cada empresa empregadora, período trabalhado, o valor da remuneração e a competência. Para fazer o download do documento em PDF, clique no botão “Imprimir”.

O novo extrato de pagamentos INSS reúne informações de uma forma bem completa. O contribuinte consegue verificar, por exemplo, as contribuições relacionadas a um vínculo empregatício com uma empresa, bem como as contribuições individuais (na condição de MEI, por exemplo).

Extrato de pagamento do INSS para imprimir. (Foto: Divulgação)

+ Serviços online do INSS

O contribuinte, após realizar o login Meu INSS, consegue ter acesso a uma série de serviços online. A lista inclui:

  • Extrato de empréstimo consignado
  • Histórico de crédito de benefício
  • Resultado de perícia médica
  • Extrato de imposto de renda
  • Agendamento de atendimento
  • Agendamento de perícia
  • Consulta a Declaração de Benefício – Consta/Nada consta
  • Revisão de benefícios (Artigo 29)
  • Autenticidade de documentos
  • Declaração de regularidade do contribuinte individual
  • Encontrar endereço da agência do INSS mais próxima

Envio de documentos pela internet

A Previdência Social tem buscado, a todo custo, digitalizar a maioria dos seus serviços. O Meu INSS é, na verdade, um segmento do “INSS Digital”, uma iniciativa que pretende mudar a forma como os segurados interagem com o instituto.

Em alguns casos, o cidadão já não precisa comparecer pessoalmente a uma agência do INSS para apresentar os documentos. Já existe a possibilidade de enviar a documentação para análise através da internet, de forma rápida e eficiente. O cidadão é comunicado sobre essa possibilidade ao fazer o agendamento.

O envio de documentos INSS pela internet deve respeitar os procedimentos, como o tamanho e o formato de cada arquivo. Já as versões originais devem ser apresentadas no dia do atendimento agendado.

A possibilidade de encaminhar documentos pela internet promete agilizar a vida do segurado e melhorar o fluxo de atendimento nas agências.

O INSS Dataprev desenvolveu o “Meu INSS” para melhorar a consulta dos extratos do Dataprev. Agora, os segurados não precisam ficar buscando links para ter acesso aos serviços online. Tudo pode ser resolvido em um único ambiente virtual, adaptado para computador, tablet ou smartphone. É uma forma muito mais fácil de utilizar os serviços do INSS.

E aí? Gostou do passo a passo? Ainda tem dúvidas sobre como gerar o extrato do INSS online? Deixe um comentário. Também é possível entrar em contato com a central telefônica 135.

Comente